Impostos na Cerveja Artesanal

Sabemos que a cerveja artesanal busca utilizar os melhores produtos disponíveis no mercado para fazer um produto de qualidade, com o melhor sabor possível e que não utiliza atalhos para diminuir seus custos.

Mas tudo tem um custo a ser pago....literalmente!

Por natureza a cervejaria artesanal tem um poder de compra menor que um gigante mundial, obtendo assim custos de matéria prima, logística e serviços maiores, onerando o custo final do produto.

Como já falamos por aqui, os impostos são um grande vilão no Brasil quando falamos deste liquido dourado, representando mais da metade do valor de venda!

Mas alguns países utilizam o próprio sistema de impostos para incentivar o crescimento de cervejarias artesanais porque acreditam que elas são benéficas à dinâmica econômica do pais, levando a criação de postos de trabalho na comunidade local e incentivando o consumo de produtos fabricados na própria região por pequenos negócios que reinvestem todo o seu lucro na própria região.

No Brasil, o imposto pago por uma cervejaria gigante é exatamente o mesmo que uma pequena cervejaria artesanal paga. Inclusive nos últimos meses, o governo não aprovou a inserção das micro cervejarias no projeto existente de impostos menores e mais simples para pequenas empresas.

Alguns países ao redor do mundo mostram como é possível incentivar o crescimento da produção artesanal.

Nos Estados Unidos, cervejarias menores tem um desconto sensível dos impostos federais. Como tudo é muito grande por lá, os números deste mercado são impressionantes.

Uma cervejaria precisa produzir menos que 2 milhões de barris (mais de 230 milhões de litros) para ter direito a este rebate de imposto. Elas pagam 61% a menos de imposto federal nos primeiros 60.000 barris (equivalente a 7 milhões de litros!!!!!).

Na Suíça, uma micro cervejaria não paga impostos se vender menos de 800 litros por ano.

E dependendo do volume anual de produção, tem um desconto no imposto federal:

Produção Anual (hl)                 Desconto Imposto

Menos de 20.000                              40%

Entre 20.000 e 30.000                      30%

Entre 30.000 e 40.000                      20%

Entre 40.000 e 50.000                      10%

Ou seja, se a cervejaria produz menos de 2 milhes de litros de cerveja por ano, ela paga somente 60% do imposto federal.

E esta prática não é única à estes países.

Países como a Áustria, Bélgica, Franca, Alemanha e República Checa também criaram rebates nos impostos para produtores menores afim de incentivar a criação de novos negócios!

E no Brasil? Ainda estamos tentando....mas não podemos perder a fé!

0
commentaire:
Editorial

Totally Beer - contato@totallybeer.com.br -