AB Inbev faz acordo em processo sobre a cerveja Beck’s
BE Becks beer

Mais uma vez, a AB InBev está nos tribunais, porque seus consumidores estão convencidos que foram levados a acreditar que uma cerveja da marca era produzida fora dos Estados Unidos.

No primeiro processo, a empresa foi autuada porque os consumidores pensaram que a cerveja Kirin era fabricada no Japão.

Agora, na semana passada uma ação de classe contra a AB Inbev foi liquidada. Este processo, em que o acusador é um grupo de pessoas que são representados colectivamente por um membro deste grupo, afirma que frases como "Originada em Bremen" e "Qualidade alemã" enganaram os bebedores, os levando a pensar que a cerveja Beck’s ainda era alemã.

Era uma vez, uma cerveja chamada Beck’s era fabricada na Alemanha. E isto aconteceu até 2002. Naquele momento, a Interbrew comprou a cervejaria alemã e mais tarde se fundiu com a brasileira AmBev para criar a InBev. Um pouco depois, o novo conglomerado comprou a cervejaria americana Anheuser Busch.

Depois de todas essas mudanças, AB InBev decidiu fabricar a cerveja Beck’s em St. Louis, no estado do Missouri, assim como é feito com a Budweiser!

Agora todos aqueles que compraram Beck’s desde maio de 2011 e foram organizados o suficiente para manter as receitas são elegíveis para receber de volta 10 centavos de dólar por garrafa compradas (US$ 50, no máximo).

E mesmo quem não guardou os recibos, ainda pode obter alguma compensação, até US$ 12.
Como parte do acordo, a AB InBev terá que pagar mais de US$ 3 milhões em honorários para os advogados e também concordou em fazer alguns ajustes de rotulagem, tornando a frase «Fabricada nos EUA» mais visível.

Uma audiência final para aprovar o acordo acontecerá no outono americano, para terminar o negócio. Depois, todos vão ser capazes de preencher um formulário na internet para obter a compensação.

0
commentaire:
Notícias

Totally Beer - contato@totallybeer.com.br -