CCGM: Confraria dos Cervejeiros do Grande Méier
BE CCGM3

Hoje em dia, não temos mais dúvidas que a cena cervejeira carioca e fluminense está em franco crescimento, mas uma olhada mais de perto no calendário de eventos da Cidade Maravilhosa denuncia uma grande concentração de eventos e atrações nas áreas mais badaladas da cidade, como o Centro, a Tijuca, os bairros nobres da Zona Sul e a Barra.

Muito pouco ou quase nada se faz em prol da cerveja artesanal em regiões de menos prestígio. Bairros do subúrbio e periferias em geral ainda são territórios a serem desbravados por empreendedores cervejeiros e em geral não contam com muitas opções para os amantes das boas cervejas.

Foi pensando nisso que um grupo de amigos, todos produtores caseiros de cervejas artesanais que se conheceram através da internet, idealizaram a Confraria dos Cervejeiros do Grande Méier, ou simplesmente CCGM.

A ideia era organizar encontros mensais no bar Favo de Mel, um típico botequim carioca localizado no Baixo Méier, região boêmia e suburbana da Zona Norte da capital, onde os cervejeiros pudessem levar suas produções e compartilha-las com os amigos, podendo em um só lugar trocar informações sobre produção de cerveja caseira, dar e receber feedbacks sobre as cervejas degustadas e principalmente confraternizar com outros produtores da região. A projeto deu certo e no último dia 12 de agosto foi realizada a oitava edição do evento, com mais de 80 pessoas entre cervejeiros caseiros e apreciadores do sagrado líquido.

"- Nós começamos a partir de um bate-papo que surgiu no grupo Cerveja Artesanal RJ, no Facebook e Whatsapp - conta Jorge Gláucio Borges, um dos idealizadores do encontro - e daí surgiu a ideia de criar um evento nos moldes do que é feito pela Acerva, mas como uma confraria independente aqui do Méier. Hoje já contamos com a participação de gente do Rio de Janeiro inteiro."

Segundo Jorge Gláucio, já é possível observar mudanças positivas para a cerveja artesanal e caseira no cenário suburbano:  "Acho que estamos atingindo o propósito, que é divulgar a cultura cervejeira de forma sempre muito espontânea e natural. O Favo nos acolheu gratuitamente por aqui, mesmo sem ser um bar de cervejas especiais. Com a realização do CCGM, eles perceberam esse movimento e o bar passou a ter essa opção a mais para os clientes. Essa também é uma vitória nossa, pois estamos abrindo espaço pras cervejas artesanais em um bar tipicamente de subúrbio, de calçada, da galera que vem pra beber as cervejas de massa, mas que com o tempo já teve a curiosidade aguçada pelo evento. Muitos vêm nos perguntar o que está acontecendo, que cervejas são essas, como podem participar. Eu acho que nós estamos contribuindo. Não temos nenhum patrocínio. Quem faz o evento são os cervejeiros, que compraram a ideia e têm marcado presença. Aqui nós temos o nosso lema, que é: “Se você não tem cerveja pra trazer, venha beber a nossa. Um dia nós também beberemos a sua!”

Os cervejeiros que frequentam o evento fazem muitos elogios. Inclusive aqueles que não são moradores da região, como o médico e cervejeiro caseiro João Pedro Tortori: "Eu acho que o CCGM tem a proposta de fomentar a cerveja caseira de maneira muito informal e com fácil acesso. O evento começou pequeno e foi ganhando participantes de todos os bairros do Rio de Janeiro, o que é ótimo. É uma clima muito maneiro! A gente consegue provar cervejas de vários estilos, feitas por várias pessoas e o feedback que cada um dá sobre as cervejas são sempre muito verdadeiros. Isso ajuda muito o cervejeiro caseiro, que quer sempre melhorar e crescer com as suas produções. O CCGM tem a raiz e a alma do “homebrewing” carioca, que é de forma bastante informal querer espalhar essa ideia de fazer cerveja na panela, no cooler, onde for."

Em meio aos mais de 80 litros de cervejas trazidas pelos produtores caseiros, outros dois organizadores do evento, Anderson Lopes e Virgílio de Araújo Junior, falam sobre as oportunidades de aprendizado e promoção das cervejas artesanais da cidade: "Aqui qualquer um pode chegar, mesmo que não seja do nosso grupo." - comenta Virgílio

"- A máquina de chope é liberada e assim o participante pode conhecer e ter o prazer de beber uma cerveja de qualidade, de forma totalmente descompromissada."

"- O CCGM é um evento agregador, que une cervejeiros bastante experientes, novos cervejeiros caseiros e também pessoas que estão conhecendo cervejas artesanais agora",  acrescenta Anderson.

"- Apesar de o evento estar focado num bairro de classes menos abastadas, o nosso idealismo em prol da cerveja artesanal e a nossa participação massiva nas redes sociais ajudam a despertar essa curiosidade de várias pessoas que saem de diversos locais da cidade e do estado pra vir aqui se conhecer e beber cervejas boas.",  completa Virgílio, deixando claro que não existem limitações de nenhum tipo a qualquer pessoa interessada em participar do evento.

É assim que se faz cerveja artesanal no subúrbio do Rio de Janeiro. Com paixão, com independência e, acima de tudo, com vontade de mostrar que as boas cervejas podem e devem estar disponíveis em todos os lugares e para todas as pessoas.

Vida longa ao CCGM! E que mais eventos como este surjam pelo Brasil a fora.

8
commentaire:
Data:
25/08/2015 16:31:03
Nome:
Gleyson
Comentário:
Vlw TB. ÓTima matéria. Avante cervejeiros... Viva a qualidade!!! Ein prosit.
Data:
24/08/2015 20:01:27
Nome:
Henrique Caldas
Comentário:
Muito bom o evento!
Parabéns para a galera super bacana!
E parabens para o totallybeer materia sensacional!
Data:
24/08/2015 19:49:29
Nome:
André Luis
Comentário:
Ótima matéria sobre essa galera boa de onda e mestres na arte de criar cervejas de qualidade.
Data:
24/08/2015 19:21:03
Nome:
Paulo Junior
Comentário:
Obrigado ao Totally Beer pela oportunidade de divulgar a "cena" cervejeira independente aqui do RJ. É muito importante que mais veículos sérios abram espaço para a divulgação de eventos sem fins lucrativos, que não podem pagar por publicidade, mas que também ajudam a divulgar a cultura cervejeira e homebrewer! Grande abraço e parabéns pelo trabalho de vocês! :)
Data:
24/08/2015 16:15:42
Nome:
Bruno da Paz Mesquita
Comentário:
Parabéns a todos os envolvidos. Evento top
Data:
24/08/2015 14:04:07
Nome:
Virgilio de Araujo
Comentário:
Evento sem fronteiras, todos são bem vindos. Valeu Totally Beer!!!
Resposta:

Estamos sempre a disposição!

Sempre nos interessamos em movimentos que promovem a verdade cultura da cerveja artesanal!!!

Quando tiverem algo interessante é só entrar em contato conosco, que disponibilizamos o espaço

Data:
24/08/2015 13:43:39
Nome:
bruno Duarte
Comentário:
Ótima matéria!! Que esse movimento continue crescendo!!!!
Resposta:

Estamos na torcida também!!

Data:
24/08/2015 12:18:25
Nome:
Anderson Lopes
Comentário:
Excelente matéria!
Parabens e muito obrigado ao totally beer, por nos ajudar a divulgar a cena cervejeira no subúrbio carioca.

Totally Beer - contato@totallybeer.com.br -