Cervejas sazonais: Marzen, Pumpkin Ale e Bière de Noel
BE Folhas de outono

O último trimestre do ano testemunha a chegada de algumas das cervejas sazonais mais interessantes no mercado em todo o mundo.

Na Alemanha, as lojas recebem, com grande prazer, um enorme volume de cervejas lagers com gosto levemente torrado, com um grande caráter de malte, chamada Märzen. O nome dessa cerveja significa Março em alemão e vem da época do ano quando a maioria das cervejarias produzem os últimos lotes antes do inverno rigoroso europeu. Antigamente, antes da era da refrigeração, era impossível fazer cerveja no verão. Assim, os cervejeiros costumavam armazenar esta cervejas nas frias montanhas alemães durante os meses de primavera e verão para servi-las nas festas nos meses de setembro e de outubro. Algumas pessoas conhecem este estilo como Oktoberfestbier, devido ao famoso festival cervejeiro de Munique.

Estas cervejas sao encorpadas, com gosto levemente torrado e tipicamente com cor cobre escura.

Durante quase a mesma época do ano, as prateleiras americanas são inundadas com uma receita sazonal muito típica: Pumpkin Beer. Na verdade, algumas dessas cervejas são distribuídas ja em agosto, a fim de atender a demanda do mercado.

A cerveja de abóbora é uma parte muito importante do portfólio das cervejarias americanas, representando, em alguns casos, 20% das vendas anuais. A Brewers Association diz que, mesmo o estilo mais popular de cerveja artesanal nos EUA, a IPA, tem uma queda significativa uma vez que a temporada das cervejas de abóbora começa.

E alguns destes cervejeiros já estão pensando fora da caixinha, criando receitas com o famoso vegetal em diferentes estilos - hoje em dia podemos encontrar Imperial Stouts, Belgian Ales, e até mesmo cervejas envelhecidas em barril de carvalho.

E, claro, precisamos mencionar a Bière de Noel ou Cerveja de Natal. Também conhecida como cervejas de inverno, esta receita vem com grandes quantidades de especiarias, algumas notas doces e uma cor intensa e escura.

O mês de novembro marca o fim da estação de malte e lúpulo. E, antigamente, os cervejeiros tinham que limpar o armazém para abrir espaço para a nova safra. Esta é a principal razão que as cervejas de Natal tem a tradição de serem mais pesadas em malte e em lúpulo, e com maior teor de álcool, em comparação com as cervejas europeias da época.

E, em alguns casos, os maltes e lúpulos já não estavam frescos, de modo que os cervejeiros tinham que adicionar especiarias e até mesmo um pouco de açúcar para compensar, criando o sabor típico destas cervejas.

Todos os três estilos de cerveja são ricos, não só de história, mas também de sabor. Uma grande oportunidade de provar algumas cervejas diferentes e se envolver mais com este mundo fascinante.

Mas algumas pessoas simplesmente não gostam deste tipo de cervejas porque eles são muito diferentes, em comparação com as cervejas comerciais, IPA e outras cervejas mais leves.

E você? Gosta destas cervejas? Algum estilo em particular?

0
commentaire:
Universo Cerveja

Totally Beer - contato@totallybeer.com.br -